px acessibilidade mapa do site contactos pesquisa área de entidades copyright       
px
px Delegação px Noticias px Eventos px Entidades px Museu px Formulários px FAQ px Hiperligações px Procedimentos Concursais Comuns px Contratação Pública px
px
px
Distrito de Leiria   Distrito de Coimbra   Distrito de Coimbra (2)   Distrito de Viseu   Distrito de Aveiro   Distrito de Aveiro (2)
px

Museu > Distrito de Coimbra > Concelho de Cantanhede >
AOS CANICEIROS DEFENSORES DO PINHAL DO POVO

Autor: José Plácido (n. 1961)

Localização: Cantanhede, Freguesia da Tocha, EN 109, Caniceira
(Coordenadas: N 40.35056; W 8.74871)

Data de Inauguração: 2001

Promotor: Câmara Municipal de Cantanhede e Junta de Freguesia da Tocha

Materiais: Pedra de Ançã, inox e bronze

Dimensões: Estrutura parietal: 376cm x 146cm x 30cm; Figuras: 212cm x 30cm; 205cm x 48cm; 205cm x 40cm; 200cm x 48cm

Descrição/ Tema: Grupo escultórico de arte contemporânea, figurativa, no seguimento de uma plástica semelhante a outras obras do artista, nomeadamente “Mulher Gandaresa (1995) - Tocha; Casal Gandarês (1999) e Miguel Torga (2000) - ambas em Cantanhede”. A obra encontra-se integrada numa rotunda à entrada da povoação, sendo composta por três figuras masculinas e uma feminina, representando homens e mulheres do campo e pescadores, defensores do “Pinhal do Povo”. Cada uma delas, esculpida em monoblocos de pedra toscamente trabalhados, exceptuando na parte superior onde é pormenorizada, sendo a cabeça de inspiração realista, retrata um “homem” com barrete, dois com chapéu e a “mulher” com chapéu e lenço tradicional. Todas estas personagens estão iconograficamente representadas com os respectivos “adereços” em bronze, um machado, uma forquilha, uma enxada e um búzio. Além destas figuras tem ainda, numa posição posterior, alguns elementos em metal que personificam os pinheiros, e, uma estrutura parietal em técnica de “ensamblagem”, constituída por extensos blocos de pedra na horizontal, contendo estrategicamente colocados alguns elementos escultóricos em forma de pinhas.

Historial: Obra dedicada aos que defenderam o “Pinhal do Povo”, promovida em 2001 pela Junta de Freguesia da Tocha e pela Câmara Municipal de Cantanhede, participando esta em 50% da despesa.

Bibliografia: IV Simpósio Internacional de Escultura Cidade de Cantanhede, Cantanhede 2005
http://www.cm-cantanhede.pt/dataimages/Acta%2013_02.doc, 2010-11-29

Fotógrafo: Jorge Neves

Ano de Registo Fotográfico: 2005
 AOS CANICEIROS DEFENSORES DO PINHAL DO POVO px

 
Itens no mesmo Distrito