px acessibilidade mapa do site contactos pesquisa área de entidades copyright       
px
px Delegação px Noticias px Eventos px Entidades px Museu px Formulários px FAQ px Hiperligações px Procedimentos Concursais Comuns px Contratação Pública px
px
px
Distrito de Leiria   Distrito de Coimbra   Distrito de Coimbra (2)   Distrito de Viseu   Distrito de Aveiro   Distrito de Aveiro (2)
px

Museu > Distrito de Coimbra > Concelho de Cantanhede >
CASAL GANDARÊS

Autor: José Plácido (n. 1961)

Localização: Concelho de Cantanhede, Freguesia de Cantanhede, R. dos Bombeiros Voluntários, Cantanhede

Data de Inauguração: 1999 (execução)

Promotor: Câmara Municipal de Cantanhede

Materiais: Semi Rijo

Dimensões: 215cm X 90cm x 50cm

Descrição/ Tema: Escultura de arte contemporânea, figurativa, numa plástica semelhante à seguida pelo artista em várias das suas obras, entre elas “Mulher Gandaresa 1995, na Tocha; Miguel Torga 2000, em Cantanhede, Aos Caniceiros Defensores do Pinhal do Povo 2001, na Caniceira – Tocha”. A obra é constituída pelos bustos (um feminino outro masculino) que representam um “casal gandarês” com a indumentária tradicional. Surge como um todo, esculpida no próprio monobloco de pedra que lhe serve de “pedestal”, exibe uma rigidez formal que denuncia alguma influência arcaísta.

Historial: A obra inscreve-se no universo de várias peças concebidas, no âmbito do I Simpósio Internacional de Escultura Cidade de Cantanhede, que decorreu entre 20 de Abril e 04 de Maio de 1999. Promovido pela Câmara Municipal de Cantanhede.

Bibliografia: Catálogo, I Simpósio Internacional de Escultura Cidade de Cantanhede, 1999;
http://sites.google.com/site/placidojoseplacido/, 2010-03-05

Fotógrafo: Jorge Neves

Ano de Registo Fotográfico: 2005
 CASAL GANDARÊS px

 
Itens no mesmo Distrito