px acessibilidade mapa do site contactos pesquisa área de entidades copyright       
px
px Delegação px Noticias px Eventos px Entidades px Museu px Formulários px FAQ px Hiperligações px Procedimentos Concursais Comuns px Contratação Pública px
px
px
Distrito de Leiria   Distrito de Coimbra   Distrito de Coimbra (2)   Distrito de Viseu   Distrito de Aveiro   Distrito de Aveiro (2)
px

Distrito de Coimbra > Concelho de Coimbra >
Encontros de Outono Loucomotiva

Encontros de Outono Loucomotiva px
30/10/2017 a 25/11/2017
4 a 25 de novembro

Programa

4 NOV | 21H45
Caminho Marítimo para a Desgraça | Trincheira Teatro

"No dia 7 de Julho do ano da graça de 1497, Lisboa estava nos preparativos para a saída das naus de Vasco da Gama rumo à Índia: enfeitavam-se as ruas, ensaiavam-se cantos, assava-se o porco e, como culminar do festejo, enforcavam-se dois bandidos.
Imperava um clima de esperança e alegria, mas havia algo que unia aquele lindo porco que já rodava no espeto e aqueles dois tristes bandalhos: ambos iam morrer inocentemente para que a festa pudesse prosseguir.
No entanto a vida reservou-lhes uma última tentativa, quando o dedo grande do pé já mal chegava a tocar no estrado, chegou-lhes a boa nova de que poderiam ser homens livres se embarcassem com a frota do Vasco da Gama até a Índia e voltassem.
A alegria que a ideia de serem livres causava não ia durar muito. Eles ainda não sabiam que iriam ser enganados, roubados, afogados, desidratados, batidos e torturados por cinco culturas diferentes até chegar ao aclamado destino. Como se sabe, não pode haver tanta fortuna sem haver meia dúzia de desgraçados. É disto que o “Caminho Marítimo Para a Desgraça” fala - daqueles que através do seu infortúnio construíram os grandes feitos dos quais ainda hoje nos podemos orgulhar."

11 NOV | 21H45
Senha 44 pela AtrapalhArte

Senha 44, uma alucinante e divertida viagem pelo mundo dos recibos verdes!

18 NOV | 21H45
3 Yoricks pelo Loucomotiva

(espetáculo criado para o encerramento da Feira Cultural de Coimbra 2017)

Qual é o sentido das coisas? O que é que nos move? O que é que faz a terra girar à volta do sol? Onde é que assenta a relação entre o ser humano e o mundo? Qual é a ação afinal?
Três teimosas pessoas num espaço à descoberta da verdade absoluta, esforçam-se por fazer valer as suas perspetivas, as suas opiniões. Uma experiência de laboratório criada em formato de “Big Brother”, por três criaturas etnocêntricas que atravessam uma crise existencial, só isso!
Alexandre Oliveira

“(…) Conquistámos todo o mundo antes de nos levantar da cama;
Mas acordámos e ele é opaco,
Levantámo-nos e ele é alheio,
Saímos de casa e ele é a terra inteira,
Mais o sistema solar e a Via Láctea e o Indefinido.”
Fernando Pessoa


25 NOV | 21H45
E Hoje É Já Outro Dia pelo Loucomotiva

O teatro é repleto de famosos papéis femininos, desde Ofélia, Lady Macbeth, Hedda Gabler, Martha, Fedra ou Electra.- Nesta peça temos apenas Ana Luísa e Clara Daniela, duas atrizes, assim mesmo cada uma com dois nomes próprios. Duas atrizes a desempenharem variados papéis femininos de mulheres dos nossos dias, onde o comum e o banal do dia-a-dia é visto pelo lado mais divertido, sem achar que tudo é demasiado sério para não ser abordado em palco. Uma peça em quadros, não daqueles de museu, não tão artísticos, mas muito mais interessantes, até porque hoje é já outro dia que se inicia, e o que lá vai lá vai.


//
BILHETES
//
5€ - geral
3€ - formandos
4€ - associados Loucomotiva
12€ - entrada geral nos 4 espetáculos
10€ - entrada geral nos 4 espetáculos | associados
8€ - entrada geral nos 4 espetáculos | formandos
//
INFO e RESERVAS
//
913 906 597 | 916 548 844 | 239 982 452 |
geral@teatrotaveiro.com | www.teatrotaveiro.com

Local

TEATRO DE TAVEIRO

Outras informações

TEATRO DE TAVEIRO
Loucomotiva. Grupo de Teatro de Taveiro
Tel: 239982452
Tlm: 913906597
Email: producao@teatrotaveiro.com
Morada: Rua Nova da Estação, nº50
3045-488 Taveiro, Coimbra

Áreas

Eventos no mesmo Distrito

Eventos no mesmo Concelho

 

* A informação aqui apresentada foi disponibilizada pelas Câmaras Municipais e/ou agentes culturais. A DRCC declina a responsabilidade sobre qualquer erro e/ou omissão.